Contactos
Escola Secundária Camilo Castelo Branco-Largo dos Freitas 5000-657 Vila Real
259321928

Oferta Formativa

Consulte informações sobre a oferta formativa

Documentos

Consulta e download de documentos e formulários.

Legislação

Consulte a legislação em vigor

MOODLE CFAEvr

 


 

DIVULGAÇÃO

A gramática na aula de língua: um modelo pragmático de implementação

ACD

 

3.0 horas

 

Presencial

 

Professores dos grupos de recrutamento 110, 120, 200, 210, 220, 300, 320, 330, 340, 350.

Agrupamento de Escolas Morgado de Mateus

As discussões sobre se e como ensinar gramática no âmbito da língua materna e/ou estrangeira são frequentes e datam pelo menos desde os anos de 1980, quando as abordagens comunicativas entraram em voga. Além disso, esta discussão é muito marcada pela didática do inglês (com, alegadamente, uma gramática ...
Ler mais Ler menos

Ref. 1791 Inscrições abertas até 13-02-2023

Registo de acreditação: CFAEvr-ACD 2023/01

Modalidade: Ação curta duração

Duração: 3.0 horas

Início: 14-02-2023

Fim: 14-02-2023

Regime: Presencial

Local: Agrupamento de Escolas Morgado de Mateus

Destinatários

Professores dos grupos de recrutamento 110, 120, 200, 210, 220, 300, 320, 330, 340, 350.

Releva

Para os efeitos previstos no n.º 1 do artigo 8.º, do Regime Jurídico da Formação Contínua de Professores, a presente ação releva para efeitos de progressão em carreira de Professores dos grupos de recrutamento 110, 120, 200, 210, 220, 300, 320, 330, 340, 350.. Mais se certifica que, para os efeitos previstos no artigo 9.º, do Regime Jurídico da Formação Contínua de Professores (dimensão científica e pedagógica), a presente ação releva para efeitos de progressão em carreira de Professores dos grupos de recrutamento 110, 120, 200, 210, 220, 300, 320, 330, 340, 350..

Certificado pelo

CDCP - Conselho de Diretores da Comissão Pedagógica

Razões

As discussões sobre se e como ensinar gramática no âmbito da língua materna e/ou estrangeira são frequentes e datam pelo menos desde os anos de 1980, quando as abordagens comunicativas entraram em voga. Além disso, esta discussão é muito marcada pela didática do inglês (com, alegadamente, uma gramática mais simples) e ignora as complexidades das línguas românicas ou de leste. Os teóricos mais avessos ao ensino da gramática oscilam entre a rejeição do ensino explícito dos aspetos formais de uma língua e uma defesa com reservas de momentos ocasionais de chamada de atenção para estes aspetos. Esta formação ultrapassa esta discussão e afirma, por um lado, o objetivo de dar aos alunos um conhecimento cultural/histórico dos mecanismos de funcionamento da língua e, por outro, o objetivo de desenvolver nos alunos a capacidade de produzir linguagem nova, tendo em mente o contexto funcional/comunicativo. Assim, a formação pretende que se desenvolvam materiais e estratégias que possam fazer parte de uma verdadeira gramática pedagógica que tenha em conta os seguintes critérios: aplicabilidade, simplicidade, completude, explicitação e coerência. E, sobretudo, que permita aos alunos reciclar o que foi aprendido em novas situações.

Objetivos

Objetivos Gerais: • Problematizar de forma pragmática o ensino e a aprendizagem da gramática para munir os professores de conceitos/técnicas úteis que enquadrem as práticas pedagógicas Objetivos Específicos: • Produzir estratégias e materiais que obedeçam aos critérios de aplicabilidade, simplicidade, completude, explicitação e coerência

Conteúdos

1. Definição de princípios para a aprendizagem da gramática na aula de língua a. Aplicabilidade, simplicidade, completude, explicitação e coerência b. Contextualização e escolha de materiais i. Fatores sociais ii. Fatores semânticos iii. Discursivos c. Componentes da descrição de um item gramatical i. Significado ou função ii. Forma iii. Estrutura ou contexto d. Outros elementos e discussões i. Da forma à função ou da função à forma? ii. Uso de terminologia iii. Introdução informal de itens gramaticais iv. Auxiliares de memória 2. Exemplos: a. Aprendizagem do presente do conjuntivo – materiais e estratégias b. Aprendizagem de ser/estar + adjetivo – materiais e estratégias 3. Avaliação: sugestão de atividades/estratégias para itens gramaticais a. Diferença entre may/might (ing.) b. Diferença entre present perfect / past simple (ing.) c. Diferença entre pretérito imperfeito / perfeito do indicativo (port.) d. Plural dos nomes (ing./port.) e. Número dos adjetivos de cor (fr.) f. Outros temas propostos pelos participantes

Metodologias

Esta ação de formação terá a duração de 3 horas em regime síncrono online; cerca de 1 hora para cada secção do plano de trabalho. As duas primeiras partes consistem na apresentação dialogada dos princípios para uma implementação pedagogicamente justificada da gramática na aula de língua. A parte dedicada à partilha pretende promover a discussão de problemas e o avançar de possíveis soluções e estratégias.

Bibliografia

Celce-Murcia, Marianne, and Sharon Hilles. 1988. Techniques and resources in teaching grammar (Oxford University Press, USA). Jones, Jane. 2000. 'Teaching grammar in the MFL classroom.' in Kit Field (ed.), Issues in modern foreign languages teaching (Routledge/Falmer). Marques, Pedro. 2018. 'É necessário: uma análise de sequências pedagógicas de iniciação ao presente do conjuntivo em manuais de português língua estrangeira.' in Paulo Osório, Eulália Leurquin and Maria da Conceição Coelho (eds.), Lugar da Gramática na Aula de Português (Dialogarts: Rio de Janeiro).

Anexo(s)


Observações

Auditório ES Morgado Mateus

Cronograma

Sessão Data Horário Duração Tipo
1 14-02-2023 (Terça-feira) 09:00 - 13:00 4:00 Presencial

INSCREVER-ME

Programa Mais Contigo – Prevenir Comportamentos Suicidários em Meio Escolar
Professores do Agrupamento de Escolas Diogo Cão.

ACD

 

3.0 horas

 

Presencial

 

Professores do 3º Ciclo/Ensino Secundário;

Agrupamento de Escolas Diogo Cão

(Identificar as necessidades de formação de professores a que se pretende responder com a implementação da ação de formação e as entidades envolvidas) A promoção da saúde mental e a prevenção dos comportamentos suicidários é sublinhada nas principais estratégias e planos de ação de saúde mental, tanto a ...
Ler mais Ler menos

Ref. 169Turma T4 Inscrições abertas até 27-02-2023

Registo de acreditação: CFAEvr-ACD 2022/17

Modalidade: Ação curta duração

Duração: 3.0 horas

Início: 28-02-2023

Fim: 28-02-2023

Regime: Presencial

Local: Agrupamento de Escolas Diogo Cão

Formador

Vanessa dos Santos Cardoso Monteiro

Destinatários

Professores do 3º Ciclo/Ensino Secundário;

Releva

Para os efeitos previstos no n.º 1 do artigo 8.º, do Regime Jurídico da Formação Contínua de Professores, a presente ação releva para efeitos de progressão em carreira de Professores do 3º Ciclo/Ensino Secundário;. Para efeitos de aplicação do artigo 9.º, do Regime Jurídico da Formação Contínua de Professores (dimensão científica e pedagógica), a presente ação não releva para efeitos de progressão em carreira.

Certificado pelo

CDCP - Conselho de Diretores da Comissão Pedagógica

Razões

(Identificar as necessidades de formação de professores a que se pretende responder com a implementação da ação de formação e as entidades envolvidas) A promoção da saúde mental e a prevenção dos comportamentos suicidários é sublinhada nas principais estratégias e planos de ação de saúde mental, tanto a nível internacional como em Portugal (DGS, 2013, 2015). O contexto escolar assume-se como um contexto privilegiado para a implementação de ações e programas de promoção da saúde mental e de prevenção dos comportamentos suicidários, envolvendo toda a comunidade educativa (Brás, 2013; Granello & Granello, 2007; Katz et. al, 2013; Santos et al., 2021). Paralelamente, é reconhecido que a ideação suicida e os comportamentos suicidários são comuns em idade escolar e associam-se com frequência a perturbações psicológicas passíveis de serem identificadas nas escolas por qualquer elemento da comunidade educativa, e em particular pelos professores (Granello & Granello, 2007; Miller, 2011; Shaffer & Kipp, 2014). Neste sentido, as diretrizes internacionais e nacionais defendem a implementação de programas que contemplem ações formativas que visem o combate ao estigma acerca da doença mental e comportamentos suicidários, aumentar o conhecimento sobre fatores de risco e sinais de alarme associados ao suicídio, permitindo a identificação precoce de adolescentes em risco e a referenciação para a ajuda especializada (Brás & Santos, 2014; Pompili et al., 2011).

Objetivos

OBJETIVOS - Combater o estigma em saúde mental; - Esclarecer sobre os comportamentos suicidários na adolescência; - Contribuir para a identificação precoce de adolescentes em risco e sua referenciação para os cuidados de saúde; - Refletir sobre o papel da escola na promoção da saúde mental e prevenção dos comportamentos suicidários; - Apresentar o Programa Mais Contigo: aspetos metodológicos.

Conteúdos

- Adolescência - Depressão - Comportamentos suicidários na adolescência - Programa Mais Contigo.

Metodologias

Componente teórica com base na seguinte estratégia: Metodologia expositiva e ativa, através das técnicas pedagógicas: brainstorming, discussão em grupo, entre outras.

Avaliação

A ação será avaliada mediante questionário online a preencher pelos formandos (obrigatório). Os participantes procedem a uma breve reflexão escrita online sobre a formação desenvolvida e a sua importância no seu desenvolvimento pessoal e profissional (obrigatória).

Anexo(s)


Cronograma

Sessão Data Horário Duração Tipo
1 28-02-2023 (Terça-feira) 17:00 - 20:00 3:00 Online síncrona

INSCREVER-ME

Técnicas de Avaliação Formativa - Uma Abordagem prática
Docentes em exercício no Agrupamento de Escolas Morgado de Mateus - grupos de Recrutamento 110, 120, 200, 210, 220, 300, 320, 330, 340, 350.

ACD

 

3.0 horas

 

Presencial

 

Docentes em exercício no Agrupamento de Escolas Morgado de Mateus - grupos de Recrutamento 110, 120, 200, 210, 220, 300, 320, 330, 340, 350.

Agrupamento de Escolas Morgado de Mateus

"A avaliação está, na verdade, no coração de toda aprendizagem. O sucesso escolar determina em grande parte a vida futura dos alunos e esse sucesso depende de avaliações feitas pelos professores" (Lopes e Silva 2020: VII). Uma vez que os docentes do Agrupamento de Escolas Morgado de Mateus se encontram a ...
Ler mais Ler menos

Ref. 186Turma 1 Inscrições abertas até 07-03-2023

Registo de acreditação: CFAEvr-ACD 2023/05

Modalidade: Ação curta duração

Duração: 3.0 horas

Início: 08-03-2023

Fim: 08-03-2023

Regime: Presencial

Local: Agrupamento de Escolas Morgado de Mateus

Destinatários

Docentes em exercício no Agrupamento de Escolas Morgado de Mateus - grupos de Recrutamento 110, 120, 200, 210, 220, 300, 320, 330, 340, 350.

Releva

Despacho n.º 5741/2015 - Enquadra-se na possibilidade de ser reconhecida e certificada como ação deformação de curta duração a que se refere a alínea d) do n.º 1 do artigo 6.º do Decreto-Lei n.º 22/2014. 

Certificado pelo

CCPFC - Conselho Científico Pedagógico de Formação Contínua

Razões

"A avaliação está, na verdade, no coração de toda aprendizagem. O sucesso escolar determina em grande parte a vida futura dos alunos e esse sucesso depende de avaliações feitas pelos professores" (Lopes e Silva 2020: VII). Uma vez que os docentes do Agrupamento de Escolas Morgado de Mateus se encontram a trabalhar de acordo com os princípios da avaliação pedagógica, a apresentação desta formação tem como desmistificação de possíveis complexidades/subjetividades existentes na aplicação prática da avaliação formativa/avaliação para a aprendizagem e, assim, contribuir para a melhoria do processo pedagógico-formativo, orientado e acompanhado os aprendentes na sua aprendizagem.

Objetivos

Objetivos gerais: - Adquirir conhecimento sobre técnicas de avaliação formativa que possibilitam o envolvimento contínuo de professores e alunos minuto a minuto ma sala de aula Objetivos Específicos: - Conceber a avaliação formativa como avaliação para a aprendizagem e avaliação como aprendizagem - Estabelecer a relação entre descritores de desempenho, critérios de sucesso, avaliação formativa e feedback - Aplicar técnicas de avaliação formativa que possibilitam envolver os alunos na avaliação da sua aprendizagem

Conteúdos

1. A avaliação na aprendizagem: 1.1. Tipos de avaliação; 1.2. Funções, objetivos e efeitos; 2. A avaliação formativa: 2.1. Conceito e implicações para o ensino e para a aprendizagem; 2.2. Especificação do papel do professor; 2.3. Especificação do papel do discente; 2.4. Efeitos da avaliação formativa na relação docente/aluno; 2.5. Efeitos da avaliação formativa no desempenho dos docentes; 3. Apresentação de alguns exemplos de técnicas de Avaliação Formativa.

Metodologias

Exposição, valorizando a interação com os formandos: - 1h 30m para as duas primeiras partes (indicadas no conteúdo); - 1h 30m apresentação de técnicas de avaliação pedagógica.

Bibliografia

Lopes, José; Silva, Helena Santos (2020): 50 Técnicas de Avaliação Formativa. Lisboa: Editora Lidel. Braga, F.; Machado, E. A.; Candeias, F. (2022): Avaliação referida a critérios: perspetivas de conceção e utilização. Texto de apoio à formação - Projeto de Monitorização Acompanhamento e Investigação em Avaliação Pedagógica (MAIA). Ministério da Educação/ Direção-Geral da Educação. Webgrafia DGE (s.d.): “Modalidades de avaliação”. In: Direção-Geral da Educação. Internet. Disponível em https://www.dge.mec.pt/modalidades-de-avaliacao (consultado a 23 de dezembro de 2022)

Anexo(s)


Cronograma

Sessão Data Horário Duração Tipo
1 08-03-2023 (Quarta-feira) 16:45 - 20:00 3:15 Presencial

INSCREVER-ME

Competências em TIC : Curso A
Pessoal Não Docente - Escola Profissional de Desenvolvimento Rural do Rodo

Curso

 

25.0 horas

 

Presencial

 

Pessoal não docente;

Escola Profissional de Desenvolvimento Rural do Rodo


Ler mais Ler menos

Ref. 162_Rodo_A Inscrições abertas até 27-03-2023

Registo de acreditação: DGAE/598/2021

Modalidade: Curso de Formação

Duração: 25.0 horas

Início: 03-04-2023

Fim: 14-04-2023

Regime: Presencial

Local: Escola Profissional de Desenvolvimento Rural do Rodo

Destinatários

Pessoal não docente;

Acreditado pelo

DGAE - Direção-Geral da Administração Escolar

Anexo(s)



INSCREVER-ME

244

Competências em TIC : Curso A
Pessoal Não Docente - Agrupamento de Escolas Professor António da Natividade

Curso

 

25.0 horas

 

Presencial

 

Pessoal não docente;

Agrupamento de Escolas Professor António da Natividade


Ler mais Ler menos

Ref. 162AEPAN_A Inscrições abertas até 30-03-2023

Registo de acreditação: DGAE/598/2021

Modalidade: Curso de Formação

Duração: 25.0 horas

Início: 03-04-2023

Fim: 14-04-2023

Regime: Presencial

Local: Agrupamento de Escolas Professor António da Natividade

Destinatários

Pessoal não docente;

Acreditado pelo

DGAE - Direção-Geral da Administração Escolar

Anexo(s)



INSCREVER-ME

302

Competências em TIC : Curso B
Pessoal Não Docente -Escola Profissional de Desenvolvimento Rural do Rodo

Curso

 

25.0 horas

 

Presencial

 

Pessoal não docente;

Escola Profissional de Desenvolvimento Rural do Rodo


Ler mais Ler menos

Ref. 163_RODO_B Inscrições abertas até 01-05-2023

Registo de acreditação: DGAE/599/2021

Modalidade: Curso de Formação

Duração: 25.0 horas

Início: 30-06-2023

Fim: 14-07-2023

Regime: Presencial

Local: Escola Profissional de Desenvolvimento Rural do Rodo

Destinatários

Pessoal não docente;

Acreditado pelo

DGAE - Direção-Geral da Administração Escolar

Anexo(s)



INSCREVER-ME

245